Como ser sustentável no mercado de transporte e logística?

Compartilhar:

A frota que circula atualmente no Brasil – país ainda bastante dependente do modal rodoviário – é composta por cerca de 3,5 milhões de caminhões que têm idade média de 20,7 anos. Se essa frota fosse substituída por outra com 2,5 anos, que é a idade média da nossa frota haveria redução de 95% dos particulados emitidos na atmosfera a partir da queima combustão de diesel.

Você sabe quais ações contribuem com a sustentabilidade no mercado de locação? Nós te explicamos.

O meio ambiente agradece!

 

Onde começar

 

Uma logística sustentável prioriza a otimização da entrega e dos recursos necessários. Assim, podemos evitar o desperdício e ainda contribuir com o planeta.

 

Para implementar na sua empresa, priorize:

 

  • Capacitar os colaboradores;
  • Adotar tecnologias limpas;
  • Elaborar cronogramas, metas e prazos;
  • Evitar o período ocioso onde transportes circulam sem carga;
  • Buscar as melhores rotas;
  • Criar parcerias sustentáveis com fornecedores.

 

Inovação e Tecnologia

 

Para tornar viável nosso propósito, de “criar oportunidades para o desenvolvimento da frota brasileira, contribuindo naturalmente para a redução de gases poluentes e para negócios íntegros, seguros e eficientes”, operamos sob uma plataforma de negócios única e inovadora, em um mercado pouco explorado.

 

Fomos capazes de reunir diferentes soluções em um ecossistema único no Brasil, disponível para nossos clientes – locação, compra e venda de novos e seminovos -, e endereçá-las a um segmento específico, de caminhões e máquinas agrícolas.

 

O check-list digital dos veículos contribuiu para ampliação de 70% para 90% do percentual de manutenções preventivas realizadas no prazo planejado, trazendo, como consequência, aumento da disponibilidade de nossa frota para os clientes e redução de custos, visto que as medidas de correção são mais onerosas do que as de prevenção.

 

Outras soluções são os vídeos wall mantidos na matriz e na sede administrativa, que exibem o andamento dos processos em tempo real e os resultados de indicadores de eficiência; e o sistema de processamento de propostas, integrado ao CRM, com redução de 94% do intervalo de tempo entre a solicitação do cliente e o recebimento da proposta comercial – agilidade que contribui para a absorção de volume cada vez maior de negócios.

 

As ferramentas de processamento de dados também levaram nosso prazo médio de implantação de equipamentos a sair de 123 dias, em 2018, para 90 dias, em 2019, e chegar a 70 dias, em 2020. O ganho representa uma importante vantagem competitiva e revela nosso princípio de colocar o cliente sempre em primeiro lugar. Todos esses recursos, em constante aprimoramento, integram uma inteligência de mercado desenvolvida internamente que nos ampara, entre outros aspectos, na previsão de aquisição de veículos para um horizonte de três meses, fundamentando a estratégia de negócios.

 

Projetos de Estratégia Ambiental, Social e de Governança

 

DIMENSÃO PROJETO OBJETIVO
AMBIENTAL

Capital Natural

Carbono Zero Oferecer oportunidades de compensação de emissões de carbono.
Neutralizar anualmente as emissões de carbono.
Gestão Sustentável Consumo consciente de água e energia nas lojas.
Implantar nas unidades próprias coleta seletiva e destinação de resíduos.
Exigir que as oficinas terceiras assinem compromisso de descarte de resíduos

conforme legislação local.

Tirar de circulação caminhões acima de 25 anos.
SOCIAL

Capital Social e de Relacionamento

Engajamento Social/Voluntariado Engajamento de colaboradores em programas sociais.
Motorista Autônomo (Você de caminhão novo!) Gerar melhores condições de renda e segurança aos motoristas autônomos.
GOVERNANÇA

Capital Intelectual e Organizacional

Sistema B Obter a certificação.

 

Compromissos existentes no Grupo Vamos

 

O GRUPO VAMOS, líder em locação de caminhões, máquinas e equipamentos no Brasil, oferece amplo portfólio de soluções sustentáveis e permite que o serviço de locação seja 100% adaptável às demandas do cliente.

Conheça mais, acesse: www.grupovamos.com.br/

Compartilhar: